Metodologia e Resultados

As instalações geográficas como metodologia de ensino para aluno deficiente visual podem potencializar sua percepção espacial, pois, a mesma ergue-se a partir de uma tríade: reflexão, ação e materialização, por meio de símbolos e signos. O uso das instalações geográficas como metodologia de ensino-aprendizagem pode contribuir para diminuir as barreiras pedagógicas, tornando a aprendizagem mais significativa e qualitativa. O objetivo desta pesquisa foi analisar as contribuições das instalações geográficas no processo de ensino e de aprendizagem da geografia escolar para aluno deficiente visual, a partir da intervenção pedagógica realizada, no Instituto Federal do Ceará – Campus Tauá, numa turma de ensino médio técnico, com estudante cego incluído.

Para apreender o objeto em estudo nos apoiamos na abordagem qualitativa, através da pesquisa-ação. Os procedimentos operacionais foram: a revisão bibliográfica, a pesquisa documental, os registros fotográficos, a aplicação e análise de entrevistas. O estudo apontou que a metodologia das instalações geográfica na essência valoriza as diferenças, podendo ser utilizada ou trabalhada por qualquer grupo social. O que reflete o potencial inclusivo da metodologia.